Pesquisar este blog

sábado, 14 de julho de 2012

FORREST GUMP - O CONTADOR DE HISTÓRIAS (1994) - FORREST GUMP


A saga de um jovem com QI abaixo da média através de 40 anos de sua vida; da infância até se tornar um ídolo  do futebol americano; conhecer três presidentes americanos (Kennedy, Johnson e Nixon); tornar-se um herói na Guerra do Vietnã ao salvar todo o seu pelotão, inclusive o Tenente Dan (seu superior mal-humorado representado brilhantemente por Gary Sinise); e em seguida tornar-se o rei do camarão.


Todo esse tempo ele sonha em juntar-se ao seu amor de infância, Jenny (Robin Wright Penn). Enquanto Forrest vive vários momentos culturais e históricos , Jenny está mergulhada na contracultura, protestando contra a guerra e se viciando em álcool e drogas.


O romance entre Forrest e Jenny é pouco convincente - ela só aparece quando precisa de ajuda, o que torna seu personagem menos simpático. No entanto, a história tocante desse homem honesto e inocente (um desempenho soberbo de Tom Hanks) funciona como uma contemplação da segunda metade do século, possível graças a efeitos computadorizados que colocaram Hanks - com resultados hilariantes - em cenas originais de eventos importantes.


Fenômeno de bilheteria mundial, foi um projeto desacreditado até ser bancado por Hanks. Graças a seu tour de force interpretativo, que lhe valeu seu segundo Oscar consecutivo (igualando o feito de Spencer Traci, que até então era o único ator a ganhar o Oscar em dois anos seguidos), o filme conquistou o espectador por ser uma fábula moral sobre a vitória do homem comum.


Conquistou mais cinco Oscar: filme, diretor (Robert Zemeckis), roteiro adaptado, montagem e efeitos especiais.

2 comentários:

  1. o filme é incrível, ao mesmo tempo tratando de fatos reais. Vale a pena assistir. Aliás, fala sobre a guerra do vietnã e sobre o movimento hippie, ao mesmo tempo que trata de valores morais, como a inocência.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. concordo. Já vi e é bom mesmo.

      Excluir